11/02/2016 às 10h21min - Atualizada em 11/02/2016 às 10h21min

Víbora venenosa de 1,60 metro é encontrada atrás de floricultura em SC

Uma víbora venenosa da espécie Bothrops jararacussu, conhecida como jararacuçu, foi encontrada atrás de uma floricultura na quarta-feira (10) em Corupá, no Norte de Santa Catarina. O réptil, de 1,60 metro, foi capturado e devolvido à natureza.

De acordo com os bombeiros voluntários da cidade, um funcionário da floricultura encontrou a víbora na manhã  quando ia começar a roçar o terreno. A propriedade fica às margens da BR-280.

Em seguida, o funcionário chamou os bombeiros e mostrou onde o animal estava, em uma área de bastante capim alto. Lentamente, os socorristas se aproximaram da víbora e conseguiram capturá-la com um laço.

Depois, o animal foi colocado em um balde. A víbora foi solta em uma área de preservação ambiental. Ninguém ficou ferido.

Cobras no Norte catarinense
Somente nesta semana, outras duas cobrasforam capturadas em áreas residenciais no Norte catarinense.

Na segunda (8), uma píton albina de quatro metros foi achada em uma casa em São Francisco do Sul. Já na terça (9), uma serpente caninana estava no para-brisas de um automóvel em Schroeder.

Fonte: g1


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »