10/08/2017 às 08h56min - Atualizada em 10/08/2017 às 08h56min

Operação cumpre mandados em investigação de compra de votos em São Bento do Sul, SC

G1

Uma operação em São Bento do Sul, Norte do estado, cumpriu 15 mandados de busca e apreensão nesta quarta-feira (9). A Polícia Civil investiga crimes de compra de votos, estelionato, apropriação indébita, associação criminosa e lavagem de dinheiro relacionados às últimas eleições municipais na cidade. Dois vereadores eleitos e um secretário de São Bento do Sul estão entre os suspeitos, segundo a Delegacia de Polícia.

Os nomes dos investigados não foram divulgados. Outros três candidatos envolvidos, conforme a Polícia Civil, não foram eleitos. A Associação dos Servidores Públicos Municipais de São Bento do Sul (ASP) também é investigada. O G1 tentou contato com a ASP, mas não obteve êxito até a publicação desta notícia.

De acordo com a Delegacia de Polícia de São Bento do Sul, os candidatos usavam a associação para comprar votos. Em um exemplo, os políticos ofereciam o abastecimento de veículos de eleitores e o combustível era pago pela ASP. Ou davam vale-compras de supermercados conveniados à associação.

Mandados e depoimentos

Foram cumpridos 15 mandados de busca e apreensão: 10 em casas de investigados, um na ASP, um em um posto de combustíveis, um em um escritório de contabilidade e o restante em dois supermercados. Foram apreendidos celulares, computadores e documentos. Na casa de um dos investigados, que fazia agiotagem, foram apreendidos R$ 5 mil em dinheiro, cerca de 200 folhas de cheques, aproximadamente 1,5 mil duplicatas e cerca de 60 notas promissórias, segundo a delegacia.

Na tarde desta quarta, suspeitos foram intimados e eram ouvidos pelo delegado. A investigação continua e há dois inquéritos relacionados às eleições de 2016 em São Bento do Sul: a Polícia Civil é responsável pelo criminal e há ainda o apurado pela Justiça Eleitoral.

Ao todo, 50 policiais civis de São Bento do Sul, Rio Negrinho, Mafra, Itaiópolis e Jaraguá do Sul participaram da operação.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »