22/11/2016 às 11h21min - Atualizada em 22/11/2016 às 11h21min

Prefeito de Major Vieira é afastado por decisão da Câmara

O prefeito é acusado de não ter depositado o Fundo de Pensão dos Servidores Públicos

Após análise da denúncia apresentada pelo vice-prefeito, Adilson Lisczkivski (PSDB), os vereadores de Major Vieira decidiram afastar o prefeito Orildo Severgnini do cargo na sessão da ultima segunda-feira, 21. Foram 6 votos a 2.

Eles analisavam relatório da investigação da Comissão Processante, na qual, o prefeito é acusado de não ter depositado o Fundo de Pensão dos Servidores Públicos, dinheiro que é descontado do funcionalismo nas folhas de pagamento.

Agora, quem deve assumir o mandato é o vice-prefeito e denunciante, Adilson Lisczkovski (PSDB), atual vice prefeito e que foi derrotado nas eleições de 2016, quando concorreu contra Severgnini.

Funcionários da prefeitura já se preparam para a mudança no comando do município, que deve durar, no máximo, até final de dezembro. Como foi reeleito, mesmo que afastado definitivamente dessa gestão, assume a próxima em janeiro.

Severgnini está viajando e disse que a decisão é ilegítima e não oportunizou a defesa do político. 

Fonte: Vocenoticias


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »